Moradores de várias cidades da região de Cajazeiras  reclamam que a operadora de internet BR-27  não está oferecendo serviço de internet como prometido nos pacotes adquiridos pelos clientes. Eles afirmam que pagam para ter acesso à internet, porém a conexão não funciona.

A estudante Darling Oliveira e moradora de São José de Piranhas disse que há dois dias não tem acesso de qualidade à internet fornecida pela operadora. Ela precisou fazer um trabalho escolar e teve que procurar a casa de um amigo que paga outra operadora.

A estudante reclama que é difícil fazer os trabalhos da escola, pois fica impossibilitada de fazer pesquisas na web pela BR-27. Ela disse que usa a internet de vizinhos, mas vai contratar outra empresa. "Chegou a uma situação que não temos aonde recorrer. Só aguardar a boa vontade da operadora para resolver o problema. Quando me venderam o serviço, disseram que tinha ótima qualidade, mas não tem. Caso não resolvam essa situação, irei à Justiça. Alguns amigos já foram", declara.

Outra questão que os consumidores da empresa  enfrenta é a falta de manutenção, os poucos funcionários se desdobram, mas não atendem à demanda dos clientes.
 
Nesta quarta-feira (3), o portal Tribuna10 e outras empresas que atualizam  seus conteúdos constantemente ficaram prejudicadas.

Busque os seus direitos ao observar frequente queda de sinal ou velocidade baixa em sua Internet. 
Queda de sinal ou velocidade baixa da Internet são problemas que afetam muitos brasileiros. Muitos consumidores não sabem o que fazer com esses fatos, mas você tem os seus direitos e deve cobrá-los.

Internet com a velocidade baixa
 Muitos não sabem, mas quando há constantes quedas da sua velocidade de internet, o usuário poderá receber alguns benefícios quando conversar com a operadora. Não espere que venham atrás de você. Outra opção é pedir algum abatimento na conta que seja proporcional ao valor que foi contratado. 

Quando há casos em que a velocidade não passa perto daquilo que foi acordado, o consumidor pode pedir que aconteça a rescisão do contrato com a operadora.

E quando acontecem muitas quedas da internet?
Novamente, não espere que a operadora vá até você para prestar esclarecimentos. No caso de queda da internet, não há na lei algo que faça a operadora recompensar os seus clientes. Porém, algumas adotam boas medidas de benefícios frente ao contrato de adesão. Sempre que você for fechar algum contrato com uma empresa, fique atento a essas cláusulas.

Quando esses casos não são resolvidos com uma boa conversa com a empresa, o consumidor deve usar a lei para que migre para outro plano, ou então, para mudar até de operadora.
 
Se o contrato de fidelidade foi assinado, mas não houve o cumprimento de algo por parte da empresa, o documento pode ser revisto. Quando o fato vai para questões judiciais, o consumidor, geralmente, tende a ganhar a causa. Os direitos do consumidor estão aí para serem usados.

Tribuna10
03/05/2017 às 20h07

Compartilhar:
Alaninfo

ALEX GONÇALVES

Alex Gonçalves é radialista DRT4220-PB.Natural de São José de Piranhas, fomado em Letras pela UFCG. Atua no ramo de jornalismo há 15 anos, foi editor repórter do portal Radar Sertanejo durante nove anos.É funcionário público estadual desde 2010 e atualmente apresenta o programa Radar em Alerta na Terra Nova FM.

0 Comentários até agora, adicione o seu