O jogador de futebol Fabiano Nogueira de Lourenço, 30 anos, conhecido por "Fabiano Buchecha", foi preso na manhã desta sexta-feira (26) durante o treino, em São Paulo. Ele é ex-atleta do Treze Futebol Clube, de Campina Grande, na Paraíba, e está sendo acusado de envolvimento em uma quadrilha investigada por explosões contra agências bancárias, tráfico de drogas e roubo e furto de veículos.

A Polícia Civil da Paraíba já pediu a transferência dele para um presídio do estado.
A operação teve como objetivo cumprir dez mandados de prisão na Paraíba e em São Paulo. Além do jogador, outras nove pessoas foram presas em Campina Grande.

De acordo com o delegado de Roubos e Furtos da Polícia Civil da Paraíba, Cristiano Santana, o jogador seria um "olheiro" do grupo, pessoa que faz o levantamento do local e repassa a informação para o restante da quadrilha.

A polícia investiga a participação do grupo em um ataque às agências dos Correios do município de Areial.
Segundo a polícia, sete suspeitos já estavam detidos em presídios de Campina Grande; outros dois foram presos nos bairros Santo Antônio e Palmeira, também em Campina Grande; e o atleta foi preso no estado de São Paulo.

Foram apreendidos coletes a prova de balas, balança de precisão, arma de fogo, munições com calibres de uso restrito, computadores usados para monitorar circuitos de câmeras de segurança e também fardas de uma empresa de vigilância patrimonial e escolta armada.

Tribuna10
com Click PB

Compartilhar:
Alaninfo

ALEX GONÇALVES

Alex Gonçalves é radialista DRT4220-PB.Natural de São José de Piranhas, fomado em Letras pela UFCG. Atua no ramo de jornalismo há 15 anos, foi editor repórter do portal Radar Sertanejo durante nove anos.É funcionário público estadual desde 2010 e atualmente apresenta o programa Radar em Alerta na Terra Nova FM.

0 Comentários até agora, adicione o seu