Os servidores da Saúde do município de Cajazeiras prometem paralisar as atividades toda semana até que a Prefeitura se posicione sobre o cumprimento da data-base salarial da categoria. Nesta quarta-feira (24), servidores cruzaram os braços pela implantação do PCCR aprovado desde 2016, durante o governo de Denise Oliveira.

Em entrevista ao Portal MaisPB, a presidente do Sindicato dos Funcionários Municipais de Cajazeiras (Sinfumc), Elinete Lourenço, explicou que o pagamento do benefício não foi inserido na Lei Orçamentária Anual (LOA) e por este motivo o gestor tem “medo” de pagar e ser ‘enquadrado’ na Lei de Responsabilidade Fiscal.

A presidente afirmou ainda que apesar do sindicato buscar a negociação, também está aciona a Justiça para que a Prefeitura cumpra a PCCR que beneficia 150 profissionais como médicos, dentistas, enfermeiros e auxiliares. A dirigente sindical  não descartou a possibilidade de realização de uma greve geral.
 
Tribuna10
Fonte: Mais PB

Compartilhar:
Alaninfo

ALEX GONÇALVES

Alex Gonçalves é radialista DRT4220-PB.Natural de São José de Piranhas, fomado em Letras pela UFCG. Atua no ramo de jornalismo há 15 anos, foi editor repórter do portal Radar Sertanejo durante nove anos.É funcionário público estadual desde 2010 e atualmente apresenta o programa Radar em Alerta na Terra Nova FM.

0 Comentários até agora, adicione o seu