A Prefeitura de Monte Horebe começou negociar dívidas junto ao Governo Federal, com isso, o Município ficará adimplente no Cadastro Único de Convênios (CAUC), o chamado ‘Serasa das prefeituras’, podendo acessar recursos federais e fazer convênios com a União. A informação foi passada, nas redes sociais, na manhã desta quinta-feira (14), pelo prefeito, Marcos Eron (PMDB).

O Município ficou inadimplente com a União por falta de prestação de contas de convênios feitos na administração da ex-prefeita, Cláudia Dias, que deixou de pagar várias pendências à União. Devido à  inadimplência o município de Monte Horebe enfrenta dificuldades para receber recursos básicos para realização de obras. Mesmo sem verbas do Governo Federal, o prefeito vem realizando muitos benefícios para a coletividade  com recursos próprios do município. 

Vários recursos provenientes de gabinetes de deputados federais e, senadores,  para construção de obras em Monte Horebe, estão aguardando que o município saia da inadimplência para liberar as verbas.
 
Marcos adiantou que está, aos poucos, retirando o nome da Prefeitura do CAUC e afirma que em breve o município voltará a ter crédito junto ao Governo Federal. Construção de obras hídricas  e Unidades Básicas de Saúde  serão algumas das prioridades para aplicação dos recursos que chegarão via Governo Federal, diz prefeito.

"Em poucos dias vamos poder conveniar com a União e remanejar recursos federais para Monte Horebe. As nossas prioridades serão a saúde, saneamento básico e obras hídricas. Estamos reunindo a população, através do Orçamento Democrático Municipal,  para definirmos a aplicação dos recursos", destacou Marcos Eron. 

Alex Gonçalves 
Tribuna10

Compartilhar:
Alaninfo

ALEX GONÇALVES

Alex Gonçalves é radialista DRT4220-PB.Natural de São José de Piranhas, fomado em Letras pela UFCG. Atua no ramo de jornalismo há 15 anos, foi editor repórter do portal Radar Sertanejo durante nove anos.É funcionário público estadual desde 2010 e atualmente apresenta o programa Radar em Alerta na Terra Nova FM.

0 Comentários até agora, adicione o seu