A vida de artistas de Monte Horebe não é mais a mesma  depois da noite desta sexta-feira, dia 1° de junho. Parecia uma noite normal, o Teatro Íracles Pires em Cajazeiras depois de uma reforma feita pelo governo do estado, programou várias apresentações de peças teatrais para os mês de junho.

A noite desta sexta chamava atenção pela exibição de um espetáculo com artistas renomados do Rio de Janeiro que estavam lá para apresentar a peça “E Foram Felizes Para Sempre.”
Aos poucos o público chegava, devagar os assentos ficavam tomados e ali poucos imaginavam que dois grupos de artistas de uma cidade que fica no alto da serra pudesse dar show e levantar aplausos de todo o público.

As cortinas do palco  se abriam devagar, o apresentador de voz rouca e compassada anunciava que o espetáculo da noite iria se iniciar com apresentação do grupo de Flauta Doce da cidade de Monte Horebe. Não deu outra, o grupo que é composto por cerca de 16 componentes, regido pelo maestro Edilson Ferreira, apresentou cinco músicas instrumentais e deram um show à parte. O público aplaudiu quase de pé.

Após a apresentação principal, outro grupo de artistas de Monte Horebe, o Grupo de Balé, fecharam o espetáculo da noite. O grupo composto por adolescentes e crianças horebenses também arrancou suspiro e aplauso dos espectadores. Na plateia o prefeito do município de Monte Horebe, Marcos Eron e a primeira dama e secretária de Ação Social, Claudiana Alves, ficaram irradiados com os elogios às apresentações feitos pelo público.

Sim, deixa eu lembrar. Tanto o grupo de Flautas como o grupo de Balé  recebem todo o incentivo e promoção da Prefeitura Municipal de Monte Horebe, através da Secretaria de Ação Social, por meio do programa de Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo (SCFV) que tem à frente a secretária Claudiana Alves.

Por Alex Gonçalves 
Tribuna 
Atualizada às 10h20

Compartilhar:
Alaninfo

ALEX GONÇALVES

Alex Gonçalves é radialista DRT4220-PB.Natural de São José de Piranhas, fomado em Letras pela UFCG. Atua no ramo de jornalismo há 15 anos, foi editor repórter do portal Radar Sertanejo durante nove anos.É funcionário público estadual desde 2010 e atualmente apresenta o programa Radar em Alerta na Terra Nova FM.

0 Comentários até agora, adicione o seu