Na manhã desta quinta-feira (26), o Tribunal de Contas da União (TCU) enviou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) os nomes de mais de 500 contas de gestores públicos paraibanos que foram julgadas irregulares pelo TCU nos últimos oito anos. Entre os nomes, consta do ex-prefeito de Cajazeiras, Carlos Antonio que está inelegível até 2025.
 
As informações do TCU apresentam três processos contra o ex-gestor por mau uso dos recursos na saúde e educação. Entre os citados também aparece o ex-reitor da UFCG e pré-candidato a deputado federal, Thompson Mariz.
 
Quem deu gargalhadas de felicidades foi o ex-prefeito do município de São João do Rio do Peixe, o médico Lavoisier Dantas, que ultimamente tem sido alvo de críticas por acharem que o médico estava inelegível para disputar novamente a prefeitura municipal de São João do Rio do Peixe em 2020. 

Em contato com o ex-prefeito ele afirmou que sempre confiou na justiça divina e do homem. “A justiça divina foi feita e a do homem também. Ficou claro que nunca pratiquei nenhum ato ilícito e tenho minha reputação ilibada. Mantenho firme acreditando no poder judiciário em cumprir seus trabalhos com maestria. Para alegria de uns e desespero de outros, sou pré-candidato a prefeito em 2020 e digo mais, será uma das melhores campanhas e com muitas surpresas que há de vir. Mais uma vez agradeço a Deus e a justiça por condenar quem realmente não respeita o erário público.” afirmou. Lavoisier. 

Tribuna
Fonte- assessoria 

Compartilhar:
Alaninfo

ALEX GONÇALVES

Alex Gonçalves é radialista DRT4220-PB.Natural de São José de Piranhas, fomado em Letras pela UFCG. Atua no ramo de jornalismo há 15 anos, foi editor repórter do portal Radar Sertanejo durante nove anos.É funcionário público estadual desde 2010 e atualmente apresenta o programa Radar em Alerta na Terra Nova FM.

0 Comentários até agora, adicione o seu