O candidato a deputado Federal pela Paraíba, Geraldo Amorim (PV), policial federal  aposentado e ex-vereador de João Pessoa por dois mandatos divulgou  suas propostas parlamentares que pretende levar ao Congresso a partir de 2019, isso caso assuma uma das cadeiras ao cargo que estão abertas no pleito deste ano.

Dentre as várias propostas dele, uma chama atenção do eleitor.  Ele irá apresentar um projeto que visa colocar um ponto final ao direito do foro privilegiado aos congressistas e governadores. Criado para proteger os parlamentares durante suas falas em tribunas e ações em deferência ao cargo, o foro acabou se tornado escudo de autoridades criminosas para não serem investigadas ou presas por crimes comuns.

De acordo com Amorim, existe uma grande diferença entre imunidade parlamentar e foro privilegiado, a primeira serve para resguardar o político, já o segundo serve para encobrir criminosos e deve ser sumariamente extinto pelos próximos senadores e deputados federais.

“Atualmente, o foro privilegiado serve de proteção para os criminosos corruptos que o utilizam para fugir das garras da justiça, o que é completamente diferente de imunidade parlamentar para uso da tribuna. Sou contra o foro privilegiado ocorrido em qualquer época, todos devem ser submetidos ao judiciário sem privilégio”, afirmou o candidato.

Para que uma proposta dessa importância seja levada à debate e transformada em Lei, é necessário o apoio massivo da comunidade, oportunidade que ela (a comunidade) poderá definitivamente mudar o triste rumo do atual cenário político no estado da Paraíba. 

Tribuna

Compartilhar:
Alaninfo

ALEX GONÇALVES

Alex Gonçalves é radialista DRT4220-PB.Natural de São José de Piranhas, fomado em Letras pela UFCG. Atua no ramo de jornalismo há 15 anos, foi editor repórter do portal Radar Sertanejo durante nove anos.É funcionário público estadual desde 2010 e atualmente apresenta o programa Radar em Alerta na Terra Nova FM.

0 Comentários até agora, adicione o seu