Cena de agressão registrada em João Pessoa. Segundo denúncia veiculada nas redes sociais, o atual prefeito, Fabio Tyrone, agrediu sua ex-companheira Myriam Pires abenevidea Gadelha e foi denunciado à Justiça com despacho já registrado também pelo desembargador Ricardo Vital.

A agressão produzida pelo prefeito foi originalmente exposta por meio de fotos da vítima pela executiva Roberta Cunha Lima e o ex-presidente de Campina Grande, Ronaldo Cunha Lima Filho.

Conforme informações e fotos veiculadas, a advogada se apresenta com horário no rosto e outras partes do corpo.

EFEITOS – A advogada entrou com um pedido de Medida Protetiva de Urgência, pelo Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), já merecendo despacho do desembargador plantonista Ricardo Vital de Almeida.

Ao desembargador, a advogada revela que se encontrava numa festa em João Pessoa com Fábio Tyrone estando ele bebendo demais.

Quando se dirigiam para casa o prefeito com sinais de ciúmes começou a discutir com Miriam e já começou a agredi-la com um “tapa” no rosto. Em casa Fabio Tyrone voltou a agredir a vítima com mais “tapas”, empurrões e chutes”, além de tachá-la de “puta, vadia e louca” e socá-la no olho.

DECISÃO JUDICIAL – De acordo com Medida Protetiva, o desembargador determina e proíbe Tyrone de ficar afastado da vítima por no minimo 300 metros e também de evitar qualquer tipo de comunicação com Miriam.

Tribuna
As informações são do Wscom

Compartilhar:
Alaninfo

ALEX GONÇALVES

Alex Gonçalves é radialista DRT4220-PB.Natural de São José de Piranhas, fomado em Letras pela UFCG. Atua no ramo de jornalismo há 15 anos, foi editor repórter do portal Radar Sertanejo durante nove anos.É funcionário público estadual desde 2010 e atualmente apresenta o programa Radar em Alerta na Terra Nova FM.

0 Comentários até agora, adicione o seu