O atendimento de saúde pública no Município de Bonito de Santa Fé, Sertão paraibano, clama por socorro. As reclamações são diárias, pelos usuários. Informações relatam um descaso total na rede pública de saúde. O vereador de oposição, Marcos Lacerda, confirmou ao Tribuna que a população convive com a falta de médicos e remédios no hospital municipal e nas UBS do município. 

O  vereador acrescenta que quando alguém, do município, precisa consultar um médico, muitas das vezes tem que recorrer a outros municípios, como Mauriti-CE, Monte Horebe ou São José de Piranhas. Ainda segundo o parlamentar, médicos não querem trabalhar na cidade temendo não receber seus salários, haja vista o histórico de atrasos de pagamento no governo do prefeito, Chico Pereira.

Na área rural mais entraves. “É inexistente medicamentos. O Programa Saúde da Família que deveria estar funcionando normalmente, nem recipiente para coletar exames tem nas unidades. A saúde de Bonito de Santa Fé está doente”, desabafa o Vereador.

Redação
Tribuna

Compartilhar:
Alaninfo

ALEX GONÇALVES

Alex Gonçalves é radialista DRT4220-PB.Natural de São José de Piranhas, fomado em Letras pela UFCG. Atua no ramo de jornalismo há 15 anos, foi editor repórter do portal Radar Sertanejo durante nove anos.É funcionário público estadual desde 2010 e atualmente apresenta o programa Radar em Alerta na Terra Nova FM.

0 Comentários até agora, adicione o seu